Trajetos em Psicanálise

Temos o prazer de convidá-las e convidá-los para o Trajetos em Psicanálise, espaço de estudo e formação onde, a partir de uma obra escolhida, buscaremos aprofundar discussões que concernem às temáticas da prática clínica em psicanálise.
Iniciaremos o Trajetos em Psicanálise com a obra “A interpretação dos sonhos”, de Sigmund Freud (1900), por entendermos que o relato do sonho é um importante dispositivo clínico de leituras possíveis do inconsciente. Ademais, nesta obra também já estão presentes importantes conceitos que foram aprofundados e revisitados por Freud em textos posteriormente escritos pelo autor.

É importante ressaltar que reconhecemos a importância das críticas acerca das traduções dos textos de Freud e, portanto, não indicaremos uma tradução específica para os encontros. Considerando que temos no idioma português diversas traduções disponíveis, poderemos analisar as diferenças entre elas para embasar nossa discussão, posto que traduzir um texto já é uma possível leitura deste.

Os encontros terão frequência quinzenal e o grupo será aberto. As vagas por encontro serão limitadas. As inscrições poderão ser feitas através do contato@espacoguernica.com, pelo página no Facebook ou diretamente com a coordenação do grupo.

Data de início: 09/09/2019 (segunda-feira)

Horário: 18h30

Investimento: R$25,00/ encontro ou R$40,00/mês

Coordenadores: Joyce Both e Matheus Giacomini Palma

Datas previstas para a realização dos encontros nesse ano: 9 e 23 de setembro, 7 e 21 de outubro, 4 e 18 de novembro, 2 e 9 de dezembro.

 

 

Práticas clínicas em Esquizoanálise

Programação – Práticas clínicas em Esquizoanálise.

Data: 8 e 9 de julho de 2017.

8 de julho (sábado).

10h – Experiência cênica: teatro do oprimido.

Apresentação e discussão de casos clínicos (neurose e psicose; SUS; situações de violência; emergência; construção de diagnóstico diferencial; dentre outras especificidades).

Obs: os casos discutidos serão trazidos pela ministrante e participantes do curso.

14h – Intervalo.

15h – Leitura comentada de textos selecionados do livro Revolução Molecular, de Félix Guattari.

18h – Encerramento.

9 de julho (domingo).

10h – Esquizo-oficina: arte re-vista e corpo sem órgãos.

Édipo e Anti-Édipo; devir mulher; as sexualidades nas famílias, nas instituições e nos sociais.

15h – Sexualidades: questões sobre gênero.

Dispositivo: filme A garota dinamarquesa.

18h – Encerramento.

Local: Espaço Guernica.

Investimento: R$ 150,00 para profissionais, R$ 75,00 para estudantes de graduação.

Público-alvo: Áreas das humanas, educação, artes, saúde e demais pessoas interessadas.

Inscrições e mais informações pelos telefones/Whatsapp e pelo e-mail: Matheus – 99965-1100; Joyce – 99969-1857; Aline – 99998-8589; contato@espacoguernica.com.

O número de vagas é limitado e a confirmação desta será mediante pagamento.

Curso de Esquizoanálise

O Espaço Guernica tem o prazer de convidar a todos para o Curso de Esquizoanálise: Teorias e Práticas. Ministrado por Monica Silva (CRP 05/13689): Psicóloga Esquizoanalista com experiência na Clínica La Borde, na França e realização de trabalhos junto a Félix Guattari. Com atuação na Saúde Pública do Rio de Janeiro. Fundadora e Coordenadora do Espaço Cultural Félix Guattari.

 

índice

O curso ocorrerá no dia 6 e terá duração de dois dias.
Vagas limitadas.

Confira abaixo o programa do curso:

Sábado – 6 de Maio


9:00 – Experiências Corporais: com Debora Lima e Juliana Souza;
– Propriocepção;
– Apropriação do corpo no espaço;

10:00 – Introdução à Esquizoanálise:
Palestra e debate ilustrados com cenas do Filme The Wall;

13:00 – Clínica Esquizoanalítica no SUS e Intervenções Institucionais na rede pública de Ensino;
– Experiências em La borde e Escola Experimental de Bonneuil;
– Cuidado de crianças, adolescentes e jovens em situações de risco;

Domingo – 7 de maio

9:00 – Experiências Corporais com Debora Lima e Juliana Souza;
– A arte dos encontros;

10:00 – Esquizovisões de práticas realizadas pelos participantes;

13:00 – Debate sobre Produções de subjetividades:
– Real e Virtual;
– As 3 ecologias;
– Caosmoses;
– Revoluções moleculares;

Investimento: R$ 150,00. A confirmação da vaga é realizada mediante pagamento.

Minicurso: Pichon-Revière, Cinema e Psicanálise

Para comemorar o percurso de 1 ano de Espaço Guernica, organizamos em parceria com o Instituto de Psicologia Social Pichon-Revière de Porto Alegre e a Tv Ovo de Santa Maria, duas atividades para o dia 16 de novembro.

poster

A primeira atividade será a exibição do documentário “El Francesito: un documental (im)-posible sobre Enrique Pichon-Revière”. O diretor do documentário, Miguel Kohan, que reside em Buenos Aires estará visitando o Rio Grande do Sul e estará presente no momento da exibição. O local de exibição será na Tv Ovo (Rua Floriano Peixoto 267, entrada pela Rua Ernesto Becker) às 15 horas com entrada franca.

A segunda atividade é a realização do minicurso: Pichon-Revière, Cinema e Psicanálise.

A realidade é algo que sempre escapa, nossa relação com esta é sempre de forma segmentária e subjetiva. Mesmo com essa relação limitada há a possibilidade de atos que forneçam dispositivos para uma mudança que vai além de nossos fragmentos. Fazer da realidade uma representação, isto é, usar o cinema no seu sentido amplo, permite que alguns sujeitos visitem territórios os quais eles podem não estar familiarizados, tanto num sentido de território físico, como também psíquico.

Miguel Kohan, o diretor de “El Francesito un documental (im)-posible sobre Enrique Pichon-Revière”, propõe trabalhar algumas bases dos conceitos técnicos do cinema, bem como articular o fazer cinematográfico como ocupando um lugar próximo a prática social e clínica. Passando por uma retrospectiva do cinema documentário e sua linguagem até os conceitos de rizoma e inconsciente que fazem parte do captar a realidade através de lentes.

Objetivos

O objetivo é a apropriação de ferramentas de análise que sirvam para operar no espaço do cinema a partir de uma composição. Encontrar o próprio olhar desde o surgimento da ideia de um produto até a sua conclusão, que permita uma tomada de consciência sobre o lugar que o audiovisual ocupa e que seja um marco referencial útil e dinâmico na construção de uma representação da realidade.

Público alvo: psicólogos, psicanalistas, comunicadores, profissionais da saúde e todos aqueles que acreditam que o cinema pode ser um dispositivo de transformação social.

Unidades temáticas presentes do minicurso:

1 – Retrospectiva documental – revisão histórica de como o gênero documentário foi evoluindo na busca por obter crédito naquilo que deseja representar, bem como onde o termo documentário se mostra insuficiente para dar conta das imensas diversidades das relações atuais, resultando em uma mistura de formatos.

2 – Linguagens do documentário

2.1 Modos de representação da realidade. Categorias que se diferenciam de acordo com o olhar do produtor na construção de uma narrativa;

2.2 O Rizoma como modelo descritivo e epistemológico no qual a organização dos elementos não segue linhas de subordinação hierárquica.

3 – Realização do documentário – Investigação e pré-produção, construção do espaço fílmico. Do inconsciente do produtor ao encontro do outro. A função da reciprocidade no encontro com os atores sociais. A imagem antes da palavra.

4 – Filmagem – Elementos a serem considerados de acordo com o modo de representação da realidade a ser realizado e com o tipo do projeto. Ferramentas para operar no espaço fílmico.

Investimento:

Data

Valor
Até 10 de novembro R$ 80,00
Dia 11 até 15 de novembro R$ 90,00
No dia do evento R$ 100,00

 

O minicurso terá duração aproximada de 3 horas, com início 18:30 e será realizado na Tv Ovo. São 20 vagas, sendo que a confirmação destas é efetuada mediante pagamento e os participantes receberão certificado.

Para a realização das inscrições entrar em contato pelo número (55) 9965-1100 ou o contato a partir do site.

Grupo de estudos sobre Ressentimento

No primeiro semestre de 2016 o Espaço Guernica promoveu um grupo de estudos debruçado sobre o livro “Ressentimento” da psicanalista Maria Rita Kehl.

arrufos-1887-belmiro-de-almeida

Arrufos (1887) – Belmiro de Almeida  

O livro dedica-se a uma releitura de alguns pontos referentes ao ressentimento na obra nietzschiana e como esta constelação afetiva se apresenta na clínica. A autora parte de um esclarecimento psicanalítico sobre as bases metapsicológicas e filosóficas do ressentimento para depois analisá-lo no contexto da arte e da política.

Curso teórico-prático de Grupos

Espaço Guernica em parceria com o Instituto Pichon-Revière convida a participar do curso sobre “Fundamentos teóricos-práticos de coordenação de grupos”. Essa formação complementar tem o objetivo de oferecer fundamentos teóricos-práticos para constituir e coordenar grupos nas áreas da saúde, educação, assistência social e trabalho, através de estudo, vivências e compreensão de processo grupal.

O curso será ministrado por Nelma Campos Aragon, Psicóloga (CRP-07/1829), UFRGS/81, Especializada em Psicologia Social (PUC/86), Mestre em Psicologia do Desenvolvimento (UFRGS/96).  Responsável pelo Instituto de Psicologia Social de Porto Alegre Pichon-Revière, docente e coordenadora de grupos de formação, supervisora de trabalhos grupais e institucionais, analista institucional e psicoterapeuta individual e grupal. Ministrou as disciplinas de coordenação de grupos e análise institucional em cursos de especialização.

Propõe-se nos encontros a construção de um dispositivo grupal de aprendizagem teórico-prático e vivencial. A parte teórica será desenvolvida através de curtas exposições dialogadas e trabalhos didáticos grupais. A parte vivencial será desenvolvida com discussões grupais, troca de experiências e exercícios grupais variados, como: exercícios de dinâmica de grupo, dramatizações e colagens.

Na totalidade do curso serão abordados os seguintes temas:

– Noções de psicologia social;

– Técnica do grupo operativo;

– Indicadores de avaliação do processo grupal

– Como aparecem os papéis grupais

– Como reconhecer e trabalhar a resistência e a contra-resistência

– A função do coordenador e suas implicações

– Intervenções do coordenador

– Grupo de Suporte

– O dispositivo grupal

– As formações imaginárias

– O nó grupal

 

                   As Banhitas (1894 – 1905) – Paul Cèzanne  

O curso ocorrerá uma vez por mês durante os meses de março a junho, nos dias 19/03, 17/04, 28/05 e 25/06. Cada encontro tem duração de 7 horas, das 9 horas da manhã até às 17 horas com intervalo para almoço. No final do curso os participantes receberão certificado com carga horária total de 28 horas.

Investimento: R$ 150,00 pago em cada encontro. Confirmação da vaga mediante pagamento da primeira parcela.

Local: Espaço Guernica, rua 13 de Maio, nº 13 ap. 4. Bairro Centro, CEP: 97010-510. Santa Maria – RS.

Site do instituto: Pichon-Revière

E-mail: contato@espacoguernica.com

Tel: (55) 9965-1100